InícioServidores da Saúde e Educação só vão receber salário na terça, diz...
Array

Servidores da Saúde e Educação só vão receber salário na terça, diz GDF

Funcionários deveriam ter recebido pagamento na semana passada.
Governo diz que transferência de recursos foi finalizada na sexta-feira.

 

A Secretaria de Administração Pública do Distrito Federal informou que professores e profissionais de saúde só vão receber os salários na próxima terça-feira (9). Os servidores deveriam ter recebido o pagamento na quinta (4) e na sexta (5) da semana passada, respectivamente.

O governo do Distrito Federal justificou que as operações para transferência dos recursos somente foram finalizadas no início da noite de sexta-feira. Segundo o GDF, o crédito será realizado nesta segunda-feira (8) e, por isso, o pagamento só estará disponível na terça.

A diretora do Sindicato dos Professores do DF (Sinpro-DF), Rosilene Correa, afirmou que o GDF deve respeitar o direito dos servidores. “Salário é coisa sagrada, é serviço prestado, nós não recebemos antecipado, já trabalhamos. Portanto, deve-se honrar isso, respeitar o direito do trabalhador.”
“Todo mundo está com as contas atrasadas, está com pagamento de comida, de água, de escola, de filho”, disse a professora da rede pública de ensino Maria Miranda.
Saúde
As refeições nos hospitais da rede pública do DF foram suspensas mais uma vez nesta sexta-feira (5). A empresa Sanoli, responsável pelo fornecimento de alimentação a funcionários e acompanhantes de pacientes, alega não ter recebido o pagamento do mês de outubro. É a segunda vez que a entidade faz isso nos últimos dois meses. A empresa cobra do GDF R$ 25 milhões.
A empresa atende 1,7 mil funcionários dos 16 hospitais da rede pública e de quatro Unidades de Pronto Atendimento e alega que, devido ao débito, está com dificuldades de manter os estoques alimentícios. Afirmou ainda que continuará fornecendo refeições para pacientes e para acompanhantes especiais até o estoque acabar.
A Secretaria de Saúde informou ao G1, que pagará todos os fornecedores nas próximas semanas. E que, por motivos contratuais, a empresa deve continuar com os serviços por até 60 dias.
Transporte
Funcionários de três empresas de ônibus e de duas cooperativas, Pioneira, Urbi, Marechal, MCS e Alternativa estão em greve desde a semana passada. O DFTrans informou ter feito uma transferência de R$ 35 milhões neste sábado (6) às empresas, mas o dinheiro só vai aparecer na conta das companhias nesta segunda-feira (8). A paralisação afeta cerca de 700 mil passageiros em várias regiões do Distrito Federal.

Do G1 DF

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments