MPE: Pista de terra na fazenda de tio de Aécio já motivou ação de improbidade administrativa

    34
    0
    COMPARTILHAR

    Múrcio Tolentino foi acusado de usar verbas públicas para fins particulares. Obra é questionada desde 2001.

    A obra em aeroporto custou cerca de R$ 14 milhões e terminou em 2010, último ano do mandato de Aécio – Alex de Jesus/O Tempo / Agência O Globo.
     
    A construção do aeródromo de Cláudio, em terreno de parentes do presidenciável Aécio Neves (PSDB), já vem sendo questionada pelo Ministério Público Estadual (MPE) de Minas desde 2001. Segundo o MPE, a primeira versão da obra, que resultou numa pista de chão batido, foi feita com dinheiro público nas terras particulares de Múcio Tolentino, tio de Aécio, sem que houvesse desapropriação ou licitação pública para escolha do local. A pista de terra foi feita em 1983, quando o ex-presidente Tancredo Neves governou Minas Gerais. As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo” Leia mais
     
     
    Fonte: Por EZEQUIEL FAGUNDES, O Globo