Início Notícias Brasil Eu quero que a população saiba a verdade sobre o que Ibaneis...

Eu quero que a população saiba a verdade sobre o que Ibaneis representa”, diz Rollemberg  

73
0
COMPARTILHAR
“Eu quero que a população saiba a verdade sobre o que Ibaneis representa”, diz Rollemberg
*Por Alexandre de Paula
O governador Rodrigo Rollemberg, candidato à reeleição pelo PSB, atacou o adversário Ibaneis Rocha (MDB) em entrevista ao programa CB.Poder desta segunda-feira — parceria do Correio Braziliense com a TV Brasília. Rollemberg afirmou que a campanha de Ibaneis é a “maior demonstração de abuso do poder econômico da história da cidade”. “Ele está fazendo pacto com a grilagem, dizendo que vai construir casas derrubadas com o próprio dinheiro”, afirmou o socialista. Ibaneis e Rollemberg disputam o segundo turno para chegar ao Palácio do Buriti. O emedista teve 41,97% dos votos e o socialista, 13,94%. Ibaneis será o entrevistado do programa nesta terça-feira (09/10).
 
Rollemberg se defendeu das acusações feitas pelo concorrente de que estaria divulgando fake news para atrapalhar a campanha. “Não preciso inventar nenhuma mentira sobre Ibaneis. O que eu quero é que a população saiba a verdade sobre o que ele representa. Quando a população souber, tenho certeza que terei esses votos”, declarou o atual governador. Ao falar sobre os recursos financeiros do adversário, Rollemberg criticou a atual forma de financiamento eleitoral. “A possibilidade de um candidato financiar a própria campanha gera distorções e privilegia os mais ricos”, observou. “E é isso que nós estamos vendo, uma candidatura que desafia a Polícia Federal, a Justiça Eleitoral e o Tribunal Regional Eleitoral, mas esses órgãos estão atentos”, completou.
 
O governador retomou o discurso contra o que chama de velha política e reforçou a defesa da honestidade e da responsabilidade fiscal. “Pode-se falar qualquer coisa da nossa gestão, mas fizemos um governo sério. A população sabe que a corrupção tira dinheiro da educação, da saúde e da segurança. Por isso, quer governos honestos”, comentou. Rollemberg falou também sobre possíveis alianças no segundo turno e disse estar aberto a qualquer um que esteja disposto, com os mesmos princípios, a auxiliar na defesa da cidade. “Apoio a gente não rejeita”, afirmou o socialista. “É claro que, pela postura que tiveram na campanha, candidatos como Alexandre Guerra (Novo), Fátima Sousa (PSol), Júlio Miragaya (PT) e Paulo Chagas (PRP), se quiserem manifestar o apoio, serão muito bem-vindos.”
 
Prioridades: Logo no início do programa, ao ser questionado sobre propostas para o serviço público, Rollemberg acenou com a concessão de aumentos ao funcionalismo. “Na lei orçamentária anual, nós já apresentamos um orçamento de R$ 600 milhões destinados à recomposição salarial dos servidores públicos e à contratação de novos servidores. Isso só foi possível porque a gente arrumou as contas no Distrito Federal. Portanto, haverá, sim, recomposição salarial feita de forma responsável e sustentável.”O segundo governo, segundo ele, terá como prioridades as áreas de desenvolvimento econômico e saúde. “Nosso primeiro governo foi dedicado a arrumar as contas e garantir que o DF não quebrasse. A primeira prioridade agora é o desenvolvimento econômico, com aumento do limite do Simples, retirada do diferencial de alíquota. Outra prioridade é a saúde, em que nós já estamos contratando novos servidores para garantir melhor atendimento para a população”, explicou.
 
Na segurança pública, o governador classificou o aumento de efetivo e mudanças no plano de carreira da PM como medidas importantes. “Já autorizamos concurso para a Polícia Civil e já estamos concluindo o concurso da Polícia Militar e vamos ampliar o plano de carreira da PM.”
(*) Alexandre de Paula – Foto: Minervino Junior/CB/D.A.Press – Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here