InícioBrasilBombeiros controlam incêndio em tapeçaria, mas jovem continua desaparecido

Bombeiros controlam incêndio em tapeçaria, mas jovem continua desaparecido

Um princípio de incêndio atingiu a pá de uma das máquinas de pequeno porte, usada na retirada dos escombros

Máquina retirando os escombros do local. (Foto: Paulo Francis)
O Corpo de Bombeiros controlou por volta das 21h o incêndio que desde às 16h, consumia uma tapeçaria no bairro Amambaí, em Campo Grande.

Lucas Correia Queiroz, de 21 anos, funcionário do estabelecimento continua desaparecido.

Os últimos focos começaram a ser controlados por volta das 20h30, mas na sequência o fogo voltou a se alastrar por cerca de meia hora, até ser combatido completamente.

Há grande quantidade de material inflamável no prédio o que dificulta o trabalho dos militares.

Militares controlando princípio de incêndio em máquina de pequeno porte. (Foto: Paulo Francis)

Duas retroescavadeiras estão sendo utilizadas para retirar os escombros do local. Um princípio de incêndio, inclusive, atingiu a pá carregadeira de uma delas de pequeno porte, modelo bobcat, mas foi rapidamente controlado pelos militares.

Um amontoado com o que sobrou dos restos de tecido, espuma e madeiras, atingidos pelo incêndio se formou na calçada da Rua Barão do Rio Branco.

No momento, os militares estão controlando os focos que surgem no prédio utilizando abafadores enquanto seguem as buscas pelo funcionário do local.

A família de Lucas segue acompanhando os trabalhos. Um caminhão pipa que fornece água no combate às chamas saiu para reabastecer e logo retorna ao local. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

pós vistoria, Bombeiros liberam hotel vizinho à tapeçaria que pegou fogo

Estabelecimento poderá continuar com atividades normais

Hotel
Hotel – (Foto: Marcos Tenório/Midiamax)

Hotel que fica localizado ao lado de tapeçaria destruída por incêndio nesta terça-feira (23), no Centro de Campo Grande, foi vistoriado pelo Corpo de Bombeiros, que liberou o local para funcionamento. Durante o incêndio que terminou na morte do funcionário Lucas Correia Queiroz, de 21 anos, o hotel foi evacuado.

Na manhã desta quarta, equipes dos Bombeiros também vistoriaram a tapeçaria e concluíram que o local não tinha certificado de vistoria, e o proprietário acabou sendo notificado e multado. Já o hotel que fica ao lado e que poderia ser interditado, foi liberado.

Segundo informações dos Bombeiros, a vistoria aconteceu na manhã desta quarta, e os militares foram fazer a inspeção no hotel, para ver se o fogo, que atingiu a tapeçaria, poderia ter danificado com rachaduras o local. Depois da avaliação, o estabelecimento foi liberado e pode continuar com suas atividades normalmente.

Já a tapeçaria não tinha certificado de vistoria, por isso foi notificada e multada. Os Bombeiros informaram que se tivesse o certificado, teria facilitado a saída de Lucas, que acabou morrendo carbonizado dentro do local. A tapeçaria só tinha uma entrada e saída.

Na tapeçaria, na parte dos fundos, tinha uma janela aberta, por isso amigos e familiares acreditavam que ele pudesse ter saído por lá, mas não aconteceu e ele foi encontrado cerca de 6h30 depois do início do incêndio.

A multa aplicada é de 200 Uferms, o que equivale a R$ 8.512. O prejuízo estimado da tapeçaria é de cerca de R$ 2 milhões. A reportagem tentou contato com o hotel para mais detalhes sobre os problemas causados pelo incêndio, mas não houve retorno até a publicação.

Foto: Leonardo de França, Midiamax
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments