InícioBrasilVia da Bagunça: Vaga da Terceira Via é oferecida a Frejat. Izalci...

Via da Bagunça: Vaga da Terceira Via é oferecida a Frejat. Izalci nunca foi cabeça de chapa!

Terceira Via oferece a Frejat vaga ao GDF e espera resposta até quinta

Aliança de direita deu prazo até as 14h para médico considerar o convite. Depois, grupo anunciará chapa majoritária completa

FOTOS: VINÍCIUS SANTA ROSA/METRÓPOLES
Isadora Teixeira

Após dois dias de reuniões, inclusive com a participação do presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) nessa quarta-feira (18/7), a coalizão de seis partidos políticos denominada Terceira Via não decidiu com quem irá para a campanha de sucessão ao Governo do Distrito Federal (GDF). A cabeça de chapa foi oferecida ao ex-secretário de Saúde do DF Jofran Frejat (PR), que anunciou desistência da corrida ao Palácio do Buriti nessa terça (17), mesmo liderando as pesquisas de intenção de voto dos brasilienses.

Segundo o ainda coordenador do grupo, o deputado federal Rogério Rosso (PSD), o médico recebeu prazo até o início da tarde desta quinta-feira (19) para dizer se aceita ou não o convite da aliança de oposição ao atual governador, Rodrigo Rollemberg (PSB). Depois disso, a Terceira Via anunciará a chapa majoritária.

Às 14h, vamos lançar a chapa. Até lá, seo Frejat entender que está disposto a voltar para o combate, ele será um excelente general no nosso grupo

Rogério Rosso, coordenador da ‘terceira via’

Nem a presença de Alckmin nas deliberações desta quarta ajudou os integrantes da coalização a chegar a um consenso. O líder tucano saiu da reunião sem falar com a imprensa, mas, em evento no Centro de Convenções Brasil 21, ele reduziu sua participação em qualquer resolução do grupo: “Não sou eu que vou definir o candidato aqui em Brasília”. Segundo ele, o PSDB tem mantido conversas com outros sete partidos, visando reforçar seu time de apoiadores para as eleições de outubro.

“Se o Frejat se resolver, nós o receberemos de braços abertos”, garantiu o também articulador da “terceira via”, senador Cristovam Buarque (PPS). “A partir das 14h, vamos começar a conversar sobre proposta, projeto, e não será mais discutida a composição”, disse o deputado federal Izalci Lucas (PSDB), que era o cabeça de chapa do grupo até a desistência de Frejat, mas agora disputa a indicação à corrida ao Buriti com o também federal Rosso.

Assim, o dia terminou da seguinte forma: caso Frejat aceite o convite, será ungido pré-candidato a governador pelo grupo e o senador Cristovam Buarque disputará a reeleição; se o médico não embarcar na aliança, Izalci ou Rosso viram os postulantes ao GDF, com Cristovam indo para uma cadeira do Senado. O vice também deve ser definido nesta quinta (19).

Veja imagens da reunião desta tarde (18/7): 

Mais partidos vão aderir
Também ficou para amanhã o anúncio de que o grupo chegará à corrida eleitoral reforçado: mais três partidos devem se alinhar com PSDB, PRB, PSD, DC, PPS e PSC. Mas nenhum dos articuladores ou componentes atuais da aliança quis antecipar quais seriam essas siglas.Depois da reunião, a assessoria do PSD-DF divulgou uma nota.

Confira:

A aliança formada pelos partidos PSDB, PRB, PPS, PSC, PSD, DC e outras siglas partidárias informa que amanhã, às 14h, será comunicada à sociedade do Distrito Federal a chapa que representará nossa coligação nas eleições majoritárias do DF em 2018. Informa, também, que comunicamos ao dr. Frejat que nossa aliança o receberá de braços abertos, caso ele queira estar conosco, sem os problemas que ele apontou como justificativa da sua desistência, num projeto para resgatar o DF.

PTB apoia Alckmin, mas no DF vai de Eliana
Presidente do PSDB-DF, o deputado federal Izalci Lucas também comentou a declaração de apoio do PTB nacional à candidatura presidencial de Geraldo Alckmin. A sigla é presidida por Roberto Jefferson, ex-deputado federal condenado no Mensalão, e está envolvida na polêmica em torno de irregularidades no Ministério do Trabalho, pasta para a qual a filha de Jefferson, deputada federal Cristiane Brasil, foi indicada, mas não pôde assumir devido a pendências com a Justiça do Trabalho.

“Não dá para a [Executiva] nacional impor que, aqui, [o PTB] nos apoie”, disse Izalci Lucas. Em âmbito local, o ex-deputado distrital Alírio Neto, presidente regional do PTB, é pré-candidato a vice da também ex-distrital Eliana Pedrosa (Pros). “A gente tentou convencer o PTB durante muito tempo, mas ainda não esgotamos as negociações”, ponderou Izalci.

Colaborou Larissa Rodrigues

RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments