InícioBrasilFrejat adia decisão sobre candidatura

Frejat adia decisão sobre candidatura

CRÉDITO: ANTÔNIO CUNHA/CB/D.A PRESS. BRASIL. BRASÍLIA – DF
Publicado em 16/07/2018 – 07:00CB.Poder

ANA MARIA CAMPOS

Aliados estiveram ontem (15/07) na casa do ex-deputado Jofran Frejat (PR) para tentar convencê-lo a permanecer na disputa ao Palácio do Buriti. O pré-candidato, que suspendeu a agenda na sexta-feira (13/07) para repensar o futuro, disse que só tomara uma decisão amanhã, depois de uma conversa com o dirigente nacional de seu partido, Valdemar Costa Neto. A avaliação, entre as pessoas mais próximas, é de que Frejat vai colocar todos os problemas na mesa e buscar uma solução, caso contrário anunciará a renúncia à corrida ao GDF.

Bateram na casa de Frejat ontem, durante o jogo final da Copa do Mundo, os presidentes do MDB, Tadeu Filippelli, do DEM, Alberto Fraga, do PP, Rôney Nemer, e do Avante, Paco Brito. A visita ocorreu depois de uma reunião na casa de Filippelli, em que definiram a estratégia de abordagem. Frejat disse que não tomou nenhuma decisão.

O pré-candidato não aceita interferências na campanha e acordos sem o seu aval. Também há dificuldades para fechar as coligações para eleições de deputados federais e distritais e faltam recursos para a pré-campanha. Frejat precisa acertar todos os pontos com Valdemar para tomar uma decisão. Precisa saber se poderá seguir com independência e quanto caberá à eleição do DF entre os fundos públicos de campanha destinados ao PR.

A preocupação é grande. Mas a chapa está quase fechada. O ex-presidente da OAB Ibaneis Rocha (MDB) é cotado para ser o vice e Fraga concorrerá ao Senado. Falta ainda definir quem ocupará a segunda vaga. O deputado Rogério Rosso, presidente do PSD/DF, tem conversado com o grupo sobre essa possibilidade, mas ele não descarta concorrer como cabeça de chapa, como revelou ontem à coluna Eixo Capital. Rosso prometeu anunciar uma decisão hoje. Mas pode ser que prefira aguardar os rumos de Frejat.

Com a possibilidade evidente de desmantelamento das chapas montadas até agora, Eliana Pedrosa (Pros) e Alírio Neto (PTB), que estão juntos numa candidatura ao GDF, divulgaram uma nota ontem. “Do nosso lado, eu e Alírio reafirmamos nosso povo e nossa pré-candidatura. Nosso interesse é um só: cuidar de nossa gente. Discursos terroristas sobre heranças malditas e alianças que negociam o futuro não fazem parte do grupo que formamos. Não fazem parte e não aceitamos”, escreveu Eliana.

Viagem

Ibaneis viajou para a Rússia na semana passada com as negociações em andamento. Havia possibilidade até de anunciar a união com Frejat antes do embarque para a Europa, mas alguns ajustes ainda eram necessários. No meio do caminho, ocorreu o movimento de Frejat de possível desistência da candidatura. Um integrante do grupo comentou ontem: “Não há vice se não tiver governador”.

Informa Tudo DF

RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments