O distrital afirmou ao Radar que está na fila, mas que neste momento o importante é tentar costurar uma grande união política por Brasília para que a cidade tenha governabilidade.

“A política tem fila, tem um rito próprio para os acordos e é construída por gestos. Estou na fila, cumpro meus acordos todos os dias e tenho feito gesto. Sou um homem do diálogo que fala com os grupos da situação e com os grupos políticos de oposição, ou seja converso com todos”, disse Joe Valle.

Sem faltar um dia durante todo o recesso da Câmara Legislativa que reabre seus trabalhos de plenário no dia 1 de agosto, o deputado Joe Valle afirmou que nesses primeiros seis meses como presidente da CLDF tem adotado e vai continuar adotando um relacionamento institucional com o governo de Brasília.

“Não fizemos oposição sistemática contra o governo e nem fomos subservientes ao governo”, disse Valle. Ele afirmou que neste segundo semestre será um período bastante puxado com muitos projetos de leis importantes para Brasília.

Ao fazer um balanço da produtividade do legislativo nos primeiros seis meses do ano, Joe Valle afirmou que as três diretrizes implantadas pela sua gestão, a primeira foi a de abrir as portas para a população, o que fez com que mais de 25 mil pessoas passassem pela CL durante o primeiro semestre do ano para participar dos debates, audiências públicas e seminários.

A segunda diretriz foi o fortalecimento da Câmara em Movimento. “Não são apenas as pessoas que tem que irem a Câmara, mas a Câmara tem a obrigação de ir ate as pessoas, nas cidades em que moram, onde podemos debater e dar prioridade na solução de problemas que afligem suas comunidades”, apontou.

Diante de um quadro enorme, instalado dentro do gabinete da presidência no 5 andar, Joe Valle mostra como acompanha todas as demandas por onde a câmara itinerante passa. A próxima visita dos deputados distritais será no Itapoã.

A outra diretriz que estará completamente implantada neste mês de agosto é o novo sistema de transparência da Casa Legislativa onde será aberto para a população todos os dados de gastos públicos.

*Fonte Radar DF