InícioCAESB: Um covil de corrupção
Array

CAESB: Um covil de corrupção

CAESB: Um covil de corrupção

(Foto: Andre Borges/Agência Brasília)

A crise hídrica em Brasília serviu para emergir várias denúncias de corrupção, desmandos e salários astronômicos na Companhia de Saneamento de Brasília. Entre tantos absurdos cometidos pelo atual presidente e primo do Governador Rollemberg, podemos citar alguns:

1 – Mudança do plano de saúde, foi cancelado o plano Bradesco que atendia os funcionários e foi passado para a Amil. A quem interessa essa “corretagem”? É só investigar e ver que um outro primo de Rollemberg, Augusto Diniz, tem uma corretora de planos de saúde.

2 – O Fundiágua, Fundo de Previdência dos Funcionários da Caesb, em 2015 deu prejuízo de 70 milhões e em 2016 chegou em 100 milhões o furo no Instituto. Como já havíamos denunciado há várias colunas atrás, o DNA dessas aplicações “podres” com o dinheiro da aposentadoria dos funcionários da CAESB, só poderia ser do operador do caixa 2 do Governador e ex-presidente do conselho do BRB, Ricardo Leal.

3-Super salários,  foram realizadas mudanças no estatuto da Companhia para que pudessem ser modificados os salários, que antes eram os previstos por Lei, e não poderiam ultrapassar os limites do teto máximo, que era o de um ministro do STF, agora tem diretor recebendo em média 60 mil reais por mês.

Na próxima coluna continuaremos com mais denúncias da “administração desastrosa’ do primo do Governador, que pelo DNA não poderia ser diferente.

Fonte: Fato Online. Veja mais aqui.

 

Informa Tudo DF

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments