Início Brasil Prefeito de Goiânia, Maguito Vilela morre por complicações da Covid-19

Prefeito de Goiânia, Maguito Vilela morre por complicações da Covid-19

113
0
COMPARTILHAR

Prefeito de Goiânia, Maguito Vilela morre por complicações da Covid-19 em SP

Ele estava internado desde outubro no Hospital Albert Einstein, na capital paulista

De acordo com as informações, a família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal

O prefeito de GoiâniaMaguito Vilela, morreu nesta quarta-feira, 13, na UTI do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ele, que tinha 71 anos, estava internado há mais de 80 dias para tratar a Covid-19.

Vilela foi eleito nas eleições municipais de novembro e tomou posse virtualmente no último dia 1º de janeiro, ainda no hospital. Em sua conta do Twitter, foi publicado: “É com profundo pesar que comunicamos o falecimento do prefeito de Goiânia, Maguito Vilela, ocorrido nesta madrugada de 13 de janeiro.

Internado desde o dia 22 de outubro para tratar da Covid-19, Maguito lutava contra uma infecção pulmonar diagnosticada na semana passada.” De acordo com as informações, a família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal.

No dia 2 de dezembro, ele já tinha testado negativo para a doença — mas permaneceu internado. No último boletim médico divulgado, na terça-feira, 12, os médicos informavam que seguia na UTI “em diálise contínua, sedado, trasqueostomizado em ventilação controlada, em tratamento de infecção pulmonar grave e drogas vasoativas em altas doses”.

Em agosto de 2020, o político perdeu duas irmãs vítimas da Covid-19. No dia 29 de novembro, Maguito Vilela alcançou 277.497 votos — o equivalente à 52,60% dos votos válidos. Durante o primeiro turno, ele já havia permanecido à frente do senador Vanderlan Cardoso, do PSD, com quem disputou o segundo turno.

Luís Alberto Maguito Vilela teve uma extensa carreira política. O emedebista já foi vereador em Jataí, deputado estadual, deputado federal e vice-governador de Goiás. Entre 1995 e 1998, foi governador de Goiás.

Em 2002 e 2006, disputou novamente o comando do estado, mas foi derrotado. Foi nomeado vice-presidente do Banco do Brasil pelo ministro da fazenda Guido Mantega, em 2007. No ano seguinte, se elegeu prefeito de Aparecida de Goiânia.