Início Brasília BR-020: Mãe com filho no colo são atropelados em Sobradinho

BR-020: Mãe com filho no colo são atropelados em Sobradinho

142
0
COMPARTILHAR

Mãe e filho no colo são atropelados na BR-020

Acidente envolvendo uma moto feriu três pessoas, segundo informações do Corpo de Bombeiros

Um grave acidente na BR-020, em Sobradinho, deixou três pessoas feridas, entre elas, uma criança. O caso ocorreu na manhã desta quinta-feira (13/02/2020).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma mãe estava atravessando a pista com o menino no colo, quando foi atropelada por uma moto. A criança, que segundo os militares aparentava ter 3 anos, foi transportado pelo CBMDF ao Hospital Regional de Sobradinho com suspeita de traumatismo craniano. A mulher, Cicera Frutuoso da Silva, 42, seguiu para a mesma unidade de saúde com fratura exposta na perna direita.

Daniel Gonçalves Lima, 21, condutor da motocicleta, uma Honda CG 150 vermelha, teve atendimento pelo Samu. Depois, o serviço o levou para o Hospital Regional do Paranoá, com fratura na perna direita.

A via ficou completamente interditada durante o resgate. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também foi acionada. Ainda não há informações sobre a identificação e idade das vítimas.

Em Ceilândia

Na noite de quarta-feira (12/02/2020), a 19ª Delegacia de Polícia (P Norte) prendeu um jovem de 18 anos acusado de atropelar uma criança de apenas 7 anos em Ceilândia.

Segundo o delegado da 19ª DP, Sérgio Bautzer, o flagrante ocorreu quando ele estava na rua na companhia de um agente. “Vimos uma aglomeração de pessoas e, para nossa surpresa, havia uma menina estendida no chão com uma multidão olhando para a criança”, relata.

Mais à frente, os policiais localizaram um celta branco. O motorista não estava no local. “Nós priorizamos o atendimento à criança. Pouco depois, um popular apresentou um garoto de 18 anos: era o motorista, que tinha evadido do local. Logo o colocamos na viatura para evitar retaliações”, o delegado. Fonte: Metrópoles.

Aguarde mais informações

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here