Início Notícias Brasil Ibaneis anuncia vice-governador eleito, Paco Britto, na coordenação da equipe de transição

Ibaneis anuncia vice-governador eleito, Paco Britto, na coordenação da equipe de transição

85
0
COMPARTILHAR

CB.Poder

ALEXANDRE DE PAULA

 

O governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) informou, nesta terça-feira (30/10), que o número dois do Palácio do Buriti, Paco Britto (Avante), coordenará a equipe de transição. “A partir do momento em que as coisas começarem a andar, eu vou tomando as decisões acertadas porque não dá para errar mais em momento nenhum no DF. Vamos escolhendo as pessoas ao longo do período. Pessoas que sejam reconhecidas nas suas áreas e não tenham processo de corrupção. Serão secretários com esse perfil”, disse, em entrevista ao CB.Poder, uma parceria entre o Correio e a TV Brasília.

 

Por ora, apenas o secretário de fazenda, André Clemente, está confirmado no alto escalão do Executivo local. Mais tarde, no entanto, haverá reunião para definição do nome dos secretários de Saúde — a pasta será divida em dois núcleos. O titular da pasta de obras já foi escolhido e está sob análise de entidades de classe do setor.

 

O emedebista ainda voltou a defender a criação de uma zona de livre comércio no DF para gerar desenvolvimento e empregos na capital. Ibaneis tratou do tema, ontem, em conversa com o presidente da República Michel Temer (MDB). “Pedi modificação do Estatuto das Cidades para criar a nossa região metropolitana. É medida que vai solucionar grande parte dos problemas do DF e do Entorno com a zona de livre comércio, libertando o DF da dependência econômica da União”, pontuou.

 

Segundo Ibaneis, a área funcionaria aos moldes da Zona Franca de Manaus. “Você traz os produtos sem tributação e, a partir daí, leva para outros locais e faz com que Brasília, cidade criada por JK para integrar o Brasil, se transforme num grande HUB de distribuição”, explicou. “O nosso aeroporto também tem como trabalhar com cargas, isso vai gerar empregos. A partir dessa zona de livre comércio, vamos ter uma outra história no DF.”

 

Ibaneis contou também que discutiu com Michel Temer a mudança no pagamento de aposentados pelo Fundo Constitucional. A ideia é que essas remunerações sejam feitas pela União. “Se conseguirmos modificar isso, vamos ter mais R$ 300 milhões, aí dará para cumprir todas as promessas que foram feitas. Os aposentados seriam pagos pela União e liberaria o fundo para contratar novos policiais e melhorar os salários da PCDF e PMDF. O presidente se comprometeu a avaliar”, disse.

 

Mudanças

 

Ibaneis ainda reafirmou compromissos de campanha, como o pagamento da terceira parcela do reajuste do funcionalismo, a extinção do Instituto Hospital de Base e a reestruturação da Agefis. “Não podemos ter ilhas de excelência. Eu escolho os melhores profissionais, pago de forma diferenciada e digo que ali está tudo funcionando. Temos o SUS que tem que funcionar de forma integrada. Não quero nada sem transparência no meu governo”, disse, sobre a gestão do Hospital de Base.

 

Para a Agefis, prometeu descentralização, mais estrutura e fiscalização prévia para evitar construções ilegais. “Não tem que deixar construir. Hoje, deixam construir 10 mil casas e depois escolhem 10 para derrubar.”

Fonte: cb.poder

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here