Sacolas de Ouro! Secretaria de Saúde do DF gastou R$ 123.500,00 com sacolinhas

    42
    0
    COMPARTILHAR
    MAIOR FISCALIZAÇÃO

    Saúde do DF: Pequenas compras, grandes negócios

    A Secretaria de Saúde recebeu, no apagar das luzes de 2016, a entrega de 6.500 sacolas plásticas objeto de contratação por licitação pública, para serem utilizadas em campanha antirrábica

    Extraído do blog do Sombra. Post Por João Zisman – Politiquês –

    Não são apenas as grandes e sempre questionadas compras realizadas pela secretaria de saúde, tais como as de medicamentos, órteses e próteses, rouparia e etc, que devem sofrer uma maior fiscalização dos órgãos de controle e contas do Distrito Federal, quando não das forças policiais e judiciais.

    A Secretaria de Saúde recebeu, no apagar das luzes de 2016, a entrega de 6.500 sacolas plásticas objeto de contratação por licitação pública, para serem utilizadas em campanha antirrábica. A especificação do produto, de acordo com a licitação, denotava não haver qualquer complexidade no produto em si, considerando tratar-se apenas de uma sacola plástica, conforme se pode verificar na foto abaixo.

    A princípio, nada de estranho nessa contratação, a não um único aspecto: O PREÇO. A nota de empenho de número 2016NE006171, emitida em 24/11/2016 em favor da BIODOME LTDA ME, indica o quantitativo adquirido de 6.500 unidades ao preço unitário de R$ 19,00 (dezenove reais), cujo valor total soma a importância de R$ 123.500,00.

    Não é possível que se possa aceitar que uma simples sacola de plástico (vide foto) custe R$ 19,00. Numa simples cotação telefônica ou por email às indústrias ou até mesmo ao comércio, surtirá um resultado completamente diferente do burocrático e ineficiente processo licitatório promovido pela Secretaria de Saúde. Pasmem, qualquer cidadão ou empresa pode comprar as mesmas sacolas a preços que podem variar entre R$ 0,45 e R$ 0,60 a unidade.

    Aplicando a velha matemática, chegamos à conclusão que as 6.500 sacolas que a secretaria de saúde comprou por R$ 123.500,00, custariam no mercado, salvo algumas variações, R$ 3.900,00. Ou seja: a secretaria de saúde se dispôs a pagar com o dinheiro do povo do Distrito Federal um preço com mais de 3.000 por cento de acréscimo.

    Incompetência é a melhor hipótese para a condução dessa contratação, mas não seria leviano arguir má fé dos gestores desse processo.

    E são por essas e muitas outras que a Saúde Pública do DF está devastada.

    E o povo não suporta mais. Estamos de sacola, ops!, de saco cheio! Fonte: Politiquês.

    Informa Tudo DF.

    Editado as 14:03h. Esclarecimento.

    Informação recém chegada:

    “O governo se recusou a receber estas sacolas. A licitação foi de R$19 o kg de sacolas e a empresa quis entregar R$19 a unidade. O CCF da SES recusou imediatamente.

    Aguardem mais informações em breve…

    Informa Tudo DF

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here