Para o Sindicato dos Médicos do DF surto de Superbactérias, tem raízes na má gestão da saúde, e acionam MP

    24
    0
    COMPARTILHAR

    Superbactérias: médicos reagem a críticas e acionam MP

    A categoria encaminhará pedido ao Ministério Público para apuração de responsabilidades e adoção das medidas legais cabíveis

    O Sindicato dos Médicos do Distrito Federal (SindMédico- DF) reagiu às declarações de representantes do governo  a respeito da endemia de superbactérias nos hospitais públicos. Para a categoria, a origem dos “surtos de infecção”  tem raízes em falhas “gritantes e injustificáveis” na gestão da saúde.  “Se a proliferação desenfreada de infeções por bactérias multirresistentes fosse provocada simplesmente porque profissionais deixam de lavar as mãos, o atual quadro seria permanente e não uma endemia como a atual”, inicia nota oficial.

    A categoria encaminhará pedido ao Ministério Público para apuração de responsabilidades e adoção das medidas legais cabíveis, bem como para que seja determinado, em caráter de urgência, o abastecimento das unidades  com   medicamentos e materiais. A OAB-DF também cobra providências.

    O SindMédico alega que, desde o início do ano, ocorre uma falta geral de antibióticos na rede. A carência  já foi reconhecida pela Secretaria de Saúde. “Os médicos são obrigados a tratar infecções que não eram graves, mas precisavam de internação hospitalar, com carbapenêmicos – medicamentos mais recentes indicados para casos mais complexos”, informa o sindicato. Com Informações do Jornal de Brasília.

    Informa Tudo DF

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here