Metas e diretrizes para os próximos quatro anos

    18
    0
    COMPARTILHAR

    Governo inicia elaboração do Plano Plurianual 2016-2019

    Com a presença do chefe do Executivo local, Rodrigo Rollemberg, encontro no Memorial JK abriu o debate sobre metas e diretrizes que vão orientar ações para os próximos quatro anosGoverno inicia elaboração do Plano Plurianual 2016-2019

     O início da elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2016-2019 foi marcado na manhã desta terça-feira pela realização do 1º Seminário Plano Plurianual 2016-2019: Conjuntura e Projeções Econômicas, no auditório do Memorial JK, no Eixo Monumental. Organizado pela Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão e pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), o encontro tem objetivo de analisar a conjuntura econômica para o período e indicar os recursos disponíveis à implementação de políticas públicas.

    Na abertura dos trabalhos, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, disse que o PPA representa “a possibilidade de planejar os próximos quatro anos com investimentos que melhorem a qualidade de vida da população e dos serviços públicos”. O chefe do Executivo local afirmou, ainda, que o plano prevê ações permanentes e contínuas para recuperar a capacidade de envolvimento da população nas ações de governo. “Queremos resgatar o equilíbrio financeiro, fiscal, social e recuperar o orgulho do brasiliense em viver aqui”, declarou o governador. Diante de um auditório lotado com secretários de Estado, administradores regionais e dirigentes de diversos órgãos governamentais, Rollemberg fez menção à simbologia do Memorial JK: “Brasília nasceu do planejamento, foi o que nos fez ser reconhecidos como patrimônio cultural da humanidade.”

    A titular da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, definiu o evento como o primeiro passo para uma série de discussões sobre o planejamento no Distrito Federal. Posteriormente, estão previstas audiências públicas para incluir contribuições da sociedade. “O diálogo é ferramenta para o planejamento das políticas públicas”, destacou o secretário de Economia e Desenvolvimento Sustentável, Arthur Bernardes, e acrescentou: “É importante termos projeto de identidade própria, mas alinhado a outras unidades da Região Centro-Oeste.”

    “O propósito principal desse instrumento [o PPA] é transformar o plano de governo em ação para os próximos anos”, resumiu o presidente da Codeplan, Lucio Rennó. O secretário de Fazenda, Leonardo Colombini, lembrou o contexto econômico atual preocupante e convocou: “Agora é o momento de tomarmos os rumos necessários para trabalhar o desenvolvimento, dentro das dificuldades econômicas que assolam o DF.”

    Da Agencia Brasilia

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here