EQUIPE DO GOVERNADOR RODRIGO ROLLEMBERG FALHA E IMPEDE LEITURA DA ARO EM PLENÁRIO

    16
    0
    COMPARTILHAR

    Projeto que resultará na quitação de dívidas com servidores chegou sem anexos necessário

    Uma falha da equipe do governador Rodrigo Rollemberg impediu a leitura do projeto de lei que pede a aprovação do pedido de Antecipação de Receita Orçamentária (ARO), na sessão de ontem da Câmara Legislativa. A proposta que servirá para regularizar o pagamento dos débitos com os servidores foi enviada sem pelo menos seis anexos necessários para que a matéria tenha validade legal. A votação ficará para a semana que vem.
    O governo deixou de enviar as cópias do Programa de Reestruturação e Ajuste Fiscal, os documentos que comprovem que o Buriti tem condições de se endividar e as garantias para o pagamento.

    A escorregada do Buriti gerou críticas até dos distritais da base. “O governo enviou um projeto com pedido de urgência, mas não tomou o cuidado para anexar a documentação necessária para a aprovação”, atacou Reginaldo Veras (PDT).

    Segundo a presidente da Câmara Legislativa, Celina Leão (PDT), a matéria já tem acordo para ser aprovada na Casa. Até os deputados do PT já sinalizaram que votarão a favor. “Assim que o projeto estiver pronto com todos os anexos, vamos votar e aprovar”, garantiu.

    Ao governador, no entanto, Celina teria dito que o projeto será o último da pauta da sessão de terça-feira. Como a aprovação do projeto é consenso na Casa, ela sugeriu colocar a ARO para ser apreciada somente após o pacote de medidas do governo que inclui o aumento de impostos.

    Extraido do portal EG News

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here