Marco zero

    27
    0
    COMPARTILHAR

          

     A tenebrosa operação Lava Jato da Polícia Federal voltou ao ponto zero ontem. O principal alvo da operação, o doleiro brasiliense, Carlos Habib Chater, prestou pela primeira vez depoimento no inquérito. Habib era investigado por esquema de lavagem internacional de dinheiro que envolvia o doleiro paranaense, Alberto Youssef e o doleiro também brasiliense, Fayed Traboulse. A Lava Jato se deu porque o posto de combustível de Habib no coração de Brasília, lavava cerca de R$10 milhões por dia, chamando a atenção da Polícia Federal, Receita e MPF. No curso da operação apareceu o nome do ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa que jogou luzes no esquema de corrupção da Petrobras. Agora, Habib também tinha a missão de pagar propinas a políticos e empresários em Brasília segundo as investigações o doleiro Fayed Traboulse também representava Youssef junto a políticos e empresários. Para o juiz Sergio Moro este é um dos principais depoimentos porque Habib e Fayed operam a parte política de Brasília.

    Fonte: Blog do Mino

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here