Gim Argello não poupou alfinetadas nos adversários

    24
    0
    COMPARTILHAR

    Gim Argello não poupou alfinetadas nos adversários e afirmou que a corrida pelos votos começou agora: aposta em virada.
     
    Candidato chama adversário de blef e o acusa de ter sido funcionário fantasma no Senado. 
     
    Gim Argello não poupou alfinetadas nos adversários e afirmou que a corrida pelos votos começou agora.
     
    Para Gim, a carreira política de Reguffe é marcada pelo “empreguismo” e pelo “nepotismo”. O hoje deputado federal trabalhou como assessor do tio Sérgio Machado, em um cargo comissionado no Senado. Ele também atuou no gabinete de José Roberto Arruda, quando o ex-governador foi senador.
     
    As acusações não se limitaram a Reguffe. Candidato a governador na mesma chapa do pedetista, o senador Rodrigo Rollemberg também teve o nome citado por Gim durante a sabatina ao se referir ao suplente dele. “Deus me livre de outro ‘agnelozinho’ (referindo-se a Rollemberg) assumir o governo. Sabe quem ia assumir no lugar do Rollemberg? O suplente dele, um rapaz chamado Hélio (José) Gambiarra. Depois vocês pesquisem quem é ele”, atacou Gim. Hélio Gambiarra é acusado de abusar sexualmente uma adolescente de 13 anos

    Fonte: Por ROBERTA PINHEIRO, Correio Braziliense