Agnelo destaca importância de jovens em campanha

    17
    0
    COMPARTILHAR

    Agnelo diz a militantes dos partidos de sua coligação que é fundamental a participação deles nas eleições

    Em encontro com movimentos jovens dos partidos da coligação Respeito por Brasília, o candidato à reeleição ao GDF, Agnelo Queiroz (PT), pediu à juventude que participe da campanha nas ruas.
    “Parabéns pela iniciativa de hoje. A energia de vocês faz com que a gente renove as nossas e é por isso que é importante a participação de vocês nestas eleições”, destacou o candidato petista.
    O encontro, chamado de Grande Ato da Juventude, foi realizado no Teatro Dulcina, no Conic. Aproximadamente 1 mil pessoas participaram do evento, que foi, inclusive, divulgado nas redes sociais.
    Candidatos
     Agnelo Queiroz destacou ainda a importância do engajamento dos jovens na política e afirmou não ser verdade “a história de que a juventude não quer mais participar”.
     “Parabéns também aos jovens candidatos aos cargos de deputado distrital e federal que estão aqui hoje. Vocês são companheiros de luta pela juventude”, disse Agnelo.
     O candidato ao GDF acrescentou que durante o seu governo, aumentou a participação dos jovens na criação de políticas públicas. “Nós temos agora, por exemplo, uma Coordenadoria de Juventude no DF e isso nos ajudou”.
     Além disso, Agnelo ainda citou alguns programas voltados à juventude que foram criados durante sua gestão. “Hoje, temos o Programa Jovem Candango, que dá oportunidade de trabalho. O jovem sai dele com certificado e carteira assinada”, lembrou.
    Umas das ideias caso seja reeleito, destacou, é implantar a educação integral em todas as escolas públicas do DF. “Pegamos um lugar abandonado, como Sesi da Ceilândia, e podemos transformá-lo na primeira Escola Parque fora do Plano Piloto”.
    Também durante o encontro, o candidato citou alguns episódios da política brasileira em que os jovens se destacaram. “Vocês tiveram uma grande importância para tirar a corrupção do governo”, alfinetou.

    Fonte: Da redação do Jornal de Brasília