Governador inaugura Parque Recreativo Sucupira, em Planaltina

    16
    0
    COMPARTILHAR

     

    Governador inaugura Parque Recreativo Sucupira, em Planaltina

    Foto: Dênio Simões/GDF

     Beatriz Ferrari, da Agência Brasília
     A população de Planaltina recebeu, neste domingo (1º), a primeira etapa do Parque Recreativo Sucupira. A entrega faz parte do programa do GDF “Brasília, Cidade Parque”, e as obras, realizadas em nove meses, tiveram investimento de R$ 2,4 milhões.
     O parque ganhou, nessa primeira fase, guarita, sede administrativa, edificação para educação ambiental, banheiros – masculino e feminino e outro exclusivo para pessoas com deficiência -, pistas de caminhada e de skate, quadra poliesportiva, quadra de areia, e urbanização. Os recursos que propiciaram as melhorias são provenientes de compensação ambiental de atividade da empresa Votorantim.
    “Essa obra é muita simbólica. Planaltina não tinha um único parque. A cidade cresceu muito e esse espaço garante qualidade de vida e protege essa área. Essa foi só a primeira etapa. Vamos continuar investindo e melhorando. É um investimento no presente e para o futuro”, disse o governador Agnelo Queiroz, ao inaugurar a obra, acompanhado da primeira-dama, Ilza Queiroz.
    Com as instalações inauguradas hoje a expectativa é proporcionar aos moradores de Planaltina atividades lúdicas em contato com a natureza, atender às necessidades básicas de lazer e oferecer espaço para realizar atividades artísticas, culturais e desportivas. Além disso, o novo parque deverá valorizar a qualidade de vida da população e conscientizar as pessoas da necessidade de preservar e conservar o meio ambiente.
    “Essa é uma alegria que não fica apenas num instante, mas se perpetua para quem vai aproveitar o parque”, disse o administrador de Planaltina, Nilvan Pereira.
    Nos próximos dias, o GDF deve entregar ainda unidades no Riacho Fundo e na Estrutural. Este é o 13º parque inaugurado. Areal, Asa Sul, Dom Bosco (Lago Sul), Olhos D’Água (Asa Norte), Bosque (Sudoeste), Águas Claras, Jequitibás (Sobradinho), Jardim Botânico, Ezechias Heringer (Guará), Três Meninas (Samambaia), Saburo Onoyama (Taguatinga) e o Lago do Cortado (Taguatinga) completam a lista das unidades entregues.
    O Programa “Brasília, Cidade Parque” visa revitalizar os 72 parques do Distrito Federal de maneira sustentável, com recursos de compensação ambiental e florestal.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here