Procuradoria Regional Eleitoral do Distrito Federal pede a cassação do mandato de Paulo Roriz

    29
    0
    COMPARTILHAR

                                                                             

    Hamilton Tatu e Paulo Roriz travam batalha judicial Hamilton Tatu e Paulo Roriz travam batalha judicial (Foto: Reprodução)

    A Procuradoria Regional Eleitoral do DF (PRE/DF) deu um parecer favorável à perda do mandato do deputado distrital Paulo Roriz (PP), por infidelidade partidária. O procurador Elton Ghersel sugere que o Tribunal Regional Eleitoral do DF (TRE-DF) tire o mandato de Paulo Roriz. Caso isso aconteça, o deputado Hamilton Tatu (DEM) assume a vaga.
    O pedido de abertura do processo havia sido feito pelo próprio DEM, e agora será julgado pelo TRE-DF. O processo já se encontra no referido Tribunal e ainda não tem data para ser julgado.
    Entenda o caso:
    Após a saída do então deputado Raad Massouh (PPL), da câmara legislativa, o suplente Paulo Roriz (PP) assumiu o assento, mas Hamilton Teixeira dos Santos (DEM), mas conhecido como Tatu do Bem, protocolou um pedido na casa alegando ter direito ao mandato deixado por Raad devido às trocas de partido de Roriz, que era DEM, trocou pelo PEN e depois virou PP.
    Em novembro de 2013, o DEM-DF aproveitou e também protocolou uma ação de infidelidade partidária no TRE-DF para que o partido, representado por Tatu, ficasse com a vaga. 
     
    Por Thiago Romeiro

    Guardiannoticias

    COMPARTILHAR
    Artigo anteriorTodos contra Agnelo
    Próximo artigoChumbo grosso?