Corregedoria da PM prende policiais que ainda estão em Operação Tartaruga

    15
    0
    COMPARTILHAR

    Outdoor sobre operação tartaruga instalado por militares do DF  (Foto: Eliomar Rodrigues/Divulgação)

     

    Comando atende recomendação do Ministério Público de prisão e até expulsão de militares 

    A Corregedoria da Polícia Militar informa que, atendendo a recomendação do MPDFT (Ministério Público do Distrito Federal e Territórios), está prendendo os policiais militares que insistem em participar da Operação Tartaruga.
    A Aspra (Associação dos Praças Policiais e bombeiros Militares do Distrito Federal) informa que ainda não foi informada oficialmente sobre a prisão, mas que já soube que o comando da PM pediu para reservar 40 vagas no local destinado à prisão dos policiais. A Corregedoria não confirma e limitou-se a dizer que vai informar todos os detalhes sobre as prisões, no início da tarde desta sexta-feira (21).

    O Ministério Público emitiu um documento determinando a prisão e até expulsão de militares que participarem da Operação Tartaruga no Distrito Federal. Como penalidades, quem participar de qualquer protesto poderá ser advertido e até expulso da corporação. Na manhã desta quinta-feira (20), um grupo de policiais e bombeiros militares visitou a CLDF (Câmara Legislativa do Distrito Federal) para protestar contra o reajuste oferecido à categoria, publicado no Diário Oficial do DF desta quarta (19). A categoria disse que a assembleia ocorrida nesta terça (18) não foi legítima porque aconteceu apenas entre oficiais, que representam 10% do efetivo, e autoridades.

    Do R7, com TV Record Brasília

    Leia mais notícias no R7 DF

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here